Reconheça os celulares falsos

Reconheça os celulares falsos


Como reconhecer um celular falso?

Os fabricantes de celulares falsificados imitam todos os aspectos da aparência de um aparelho original para fazer com que pareçam originais. A parte externa e a tela, os logotipos impressos e a marca, a embalagem e os acessórios incluídos podem ter sido copiados, tornando difícil identificar se um telefone é falso ou original.

Sempre que possível, é preferível comprar celulares e acessórios por meio de um varejista ou revendedor autorizado que possa garantir a autenticidade deles. No entanto, com o aumento das compras pela Internet e pelos sites de leilão, pode ser que isso não seja uma opção.

Aqui estão algumas dicas para ajudar você a identificar se um telefone é original ou falso:

Conheça o telefone

É importante fazer um pouco de pesquisa antes de comprar um novo telefone.

Você só deve comprar acessórios de celulares feitos por um fabricante confiável.

Antes de se comprometer com uma compra, você precisa saber o número específico do modelo do telefone, as cores em que está disponível, os recursos, o software e o hardware incluídos e quais garantias são oferecidas com o produto.

Informações sobre um modelo específico de telefone podem ser encontradas no site do fabricante ou por meio de um revendedor autorizado.

Se você tiver estas informações, será mais fácil identificar um telefone falso.

Aparência

À primeira vista, um telefone falso pode parecer idêntico a um modelo genuíno. Ao comparar com mais atenção, você poderá identificar algumas diferenças óbvias entre um produto original e um falso, como a cor, localização dos botões, tamanho ou forma ou como o nome da marca está escrito.

Alguns produtos falsos são menos óbvios. Os falsificadores são capazes de imitar até os detalhes de design mais ínfimos, tornando muito difícil a tarefa de determinar se um celular é original ou não.

Se você puder ver o produto pessoalmente, poderá notar uma diferença no peso, no tamanho da tela, na localização dos botões e da bateria, na qualidade da impressão e no acabamento da pintura, em funções a mais ou a menos, selos de controle de qualidade e hologramas e falta geral de qualidade.

 

image of fake x6

Diferença entre um Nokia X6 falso e um verdadeiro


Esta cor não está disponível no X6 original.

 

 

A captura de tela mostra que o celular é compatível com dois cartões SIM, e o modelo legítimo não o é.


Os ícones “Deslizar para desbloquear” são parecidos com os do iPhone da Apple, e não com a interface de usuário da Nokia

No produto original, o logo da Nokia está no alto da tela, não abaixo dela.

 

Recursos

Os telefones falsificados podem ter recursos diferentes daqueles presentes nos modelos originais, como capacidade para dois cartões SIM, TV analógica, etc. Verifique o número do modelo e as especificações técnicas do telefone original que você quer comprar, e tenha certeza de que elas são as mesmas que estão sendo oferecidas. Telefones falsificados muitas vezes também parecem oferecer recursos que simplesmente não existem ou que não são como deveriam ser. Por exemplo, as câmeras integradas podem dizer ser de 8 megapixels, mas não são. Ou oferecem GPS quando, na verdade, não possuem este recurso.

Os telefones falsificados podem também ser diferentes dos originais em disponibilidade de cores, capacidade de memória, quantidade de megapixels da câmera, qualidade da tela e sistema operacional.

É importante comparar os recursos técnicos para garantir que o telefone seja original.

Garantia

Todos os fabricantes de telefones celulares oferecem uma garantia limitada que cobre o aparelho, o software e os acessórios.

A maioria dos acessórios originais são cobertos por um ano a partir da data da compra pelo proprietário original. Muitos revendedores autorizados oferecem garantia adicional.

Os fabricantes e revendedores autorizados também oferecem suporte ao cliente e assistência a produtos danificados.

Celulares vendidos no mercado negro raramente oferecem garantia ou oferecem suporte ao cliente e assistência técnica a produtos danificados.

É importante manter a nota fiscal de qualquer acessório de celular que você comprar, para que você possa usar a garantia caso o produto esteja defeituoso. Também é importante manter todos os recibos de compra caso você tenha comprado um produto falsificado, para que você possa avisar as autoridades competentes.

Funcionalidade

Os telefones vendidos no mercado negro são feitos de material de baixa qualidade e componentes baratos, e muitas vezes rodam sistemas operacionais de segunda linha ou pirateados.

Os falsificadores usam placas de gerações antigas, que podem oferecer a mesma funcionalidade que um modelo original, mas a velocidades muito mais lentas.

Se você comprou um telefone falso por engano, você irá se dar conta disso assim que ligar o aparelho. As velocidades de processamento são bem mais lentas, os sistemas operacionais vêm com menos recursos e o telefone pode não ser compatível com software e aplicativos afiliados.

Disponibilidade

Os celulares falsificados tendem a aparecer no mercado quando um modelo original está fora de estoque ou indisponível.

Muitas vezes, quando os fabricantes e revendedores autorizados dizem que um modelo está fora de estoque ou indisponível, as falsificações começam a aparecer nos sites de leilão e por meio de revendedores não-autorizados. Isso também é comum quando um telefone não está disponível em certas cores.

Tenha cuidado, os falsificadores aproveitam essa oportunidade para enganar os consumidores no momento em que a demanda pelo produto é mais alta.

Número IMEI

Todo celular original tem um número de série para serve para cadastrá-lo junto às operadoras. Este número é chamado IMEI (Identificação Internacional de Equipamento Móvel, na sigla em inglês). O número IMEI pode ser usado para verificar a legitimidade de um celular. Muitas vezes os modelos falsificados não têm um número IMEI ou usam um falso.

Se você estiver vendo o telefone pessoalmente, você poderá encontrar o número IMEI na embalagem do produto, sob a bateria ou ao pressionar *#06# no telefone.

Se você não estiver vendo o telefone pessoalmente, deve pedir ao vendedor que lhe passe o número IMEI do telefone.

Para checar a legitimidade do número IMEI de um telefone e qualquer informação com relação ao país onde ele foi produzido, o fabricante e o modelo, você pode usar esta ferramenta.

Preço

Se o preço parece bom demais pra ser verdade, então provavelmente o é.

Telefones falsificados são feitos de componentes baratos e de baixa qualidade, o que permite que eles sejam produzidos a uma fração do preço dos produtos originais.

Além disso, os falsificadores não precisam investir em pesquisa, design e testes de segurança. Eles não pagam taxas governamentais, impostos de importação e não estão limitados por regulamentações trabalhistas e de comércio justo.

Todos estes fatores fazem com que os produtos falso possam ser vendidos a um preço muito inferior ao de um produto original.

 

Saiba mais sobre como reconhecer baterias falsificadas

Saiba mais sobre o impacto dos celulares falsos sobre os consumidores

Lembre-se de comprar produtos originais

 

Change Text Size   Smaller Text Larger Text Standard Size Text
CONTACT US      MMF